ARUCI-SMC
Je suis une personne, pas une maladie (personne utilisatrice de services en santé mentale)
Você está aqui: Inicio > Projetos > As políticas, serviços e práticas de saúde mental - Eixo 2 > Pesquisa avaliativa de saúde mental: indicadores para avaliação e monitoramento dos CAPS III do estado de São Paulo

Pesquisa avaliativa de saúde mental: indicadores para avaliação e monitoramento dos CAPS III do estado de São Paulo

site: http://www.fcm.unicamp.br/cursos/indicadorescaps

Grupo de Pesquisa

Pesquisador principal: Rosana T. Onocko Campos , Ph.D., Universidade Estadual De Campinas; Juarez Pereira Furtado, Ph.D, Universidade Federal De São Paulo

Outros pesquisadores:

Colaboradores:

Fernando Sfair Kinker, mestre., Universidade Federal De São Paulo.

Stella Maris Chebli, Consultora do Ministério da Saúde, da PNH (Política Nacional de Humanização do SUS)

Thaís Mikie De Carvalho Otanari, mestre em Saúde Coletiva, Grupo de Pesquisa Interfaces.

Thiago Trapé, mestre em Saúde Coletiva , Prefeitura Municipal de Campinas.

Estudantes:

Luciana Togni De Lima E Silva, mestre e doutoranda, Universidade Estadual De Campinas.

Bruno Ferrari Emerich, mestrando, Universidade Estadual De Campinas.

Cecília de Castro e Marques, mestranda, Universidade Federal do Rio Grande do Sul.  

 

Resumo:

Trata-se de pesquisa avaliativa e participativa de todos os Centros de Atenção Psicossocial com funcionamento 24h (CAPS III) no Estado de São Paulo e, conjuntamente, um estudo exploratório da rede de assistência para deficiência mental, aspecto apontado como inexplorado por pesquisa anterior. Propõe a inclusão de representantes dos diferentes segmentos envolvidos, como trabalhadores e gestores o que enquadra nossa investigação nas chamadas abordagens avaliativas de quarta geração da avaliação. A construção participativa de definição de questões da avaliação, elaboração de estratégias, validação e teste dos dispositivos e analisadores desenvolvidos em pesquisa avaliativa anterior e análise dos dados ocorrerão no interior de uma capacitação em avaliação. Tal capacitação foi concebida para, simultaneamente, propiciar a aprendizagem em torno da temática da avaliação e constituir-se em espaço de acertos, definições e desenvolvimento participativo do presente projeto de pesquisa.

 

Objetivos:

Geral:

Desenvolver, implementar e acompanhar um sistema de avaliação nos CAPS III no Estado de SP que não seja excludente para a deficiência intelectual.

Específicos:

1 – Elaborar, em conjunto com os atores envolvidos, estratégias de avaliação alinhadas às necessidades de informação e adequadas ao contexto de cada um dos Caps III inseridos na pesquisa;

2 – Validar nesses Caps o leque de indicadores, dispositivos e analisadores desenvolvidos em pesquisa avaliativa realizada anteriormente, subsidiando os produtos originados a partir da ação descrita no tópico anterior;

3 – Promover o desenvolvimento de trabalhadores, gestores de CAPS III e coordenadores de saúde mental dos respectivos municípios na temática da avaliação de programas e serviços;

4 - Constituir massa crítica em cada um dos Caps participantes, para a elaboração, implementação e acompanhamento de um sistema de avaliação e monitoramento desses serviços;

5 – Iniciar uma aproximação da temática da deficiência mental realizando um estudo exploratório e descritivo sobre as entidades que atendem à população com deficiência intelectual nos municípios com CAPS III.

 

Contribuições e Prestações (Benefícios e contribuições):

A presente pesquisa visa a construção de um leque de indicadores de avaliação de serviços que  constituem a maior aposta da política pública na reformulação do modelo assistencial em saúde mental no Brasil. Parte da qualificação de profissionais e gestores locais e regionais, para a contrução de uma participação efetiva na contrução de indicadores e dispositivos, bem como já faz operar certa “auto-avaliação” do trabalho de todos os envolvidos. Desta forma, contribui com a qualificação das práticas existentes bem como viabiliza a apropriação de ferramentas de avaliação, tornando este processo mais orgânico aos diretamente envolvidos.  

 

Ferramentas e Treinamento -

Desenvolveu-se um site -  www.fcm.unicamp.br/cursos/indicadorescaps, a fim de disponibilizar aos alunos o projeto na íntegra, programação, aulas e blog para ampliar possibilidades de comunicação e também o acesso a demais membros das equipes que desejem acompanhar o processo.

- A capacitação está em sua oitava aula, nos dois campos: Santos e Campinas, e vem se constituindo de exposições dialogadas, seguindas por GAPs (grupos de apreciação partilhada), onde se aprofundam as discussões temáticas, estabelece-se consensos e valida-se indicadores de avaliação.  

Todos os direitos reservados © 2011, Saúde Mental e Cidadania